Socios Fan Token faz parceria com a MLS

A plataforma de engajamento fã Socios.com, anunciou uma parceria com a Major League Soccer (MLS), mas sem a criação de fantokens. 
Termos de Uso e Política de Privacidade | Disparada

A Socios.com que é conhecida por seus fantokens de clubes europeus, mas ainda não conseguiu emitir tokens nos Estados Unidos devido à incerteza regulatória. 

A Socios já fez parceria com vários outros clubes esportivos dos EUA, incluindo 24 times da NBA e 14 da NFL.

Ao contrário dos tokens não fungíveis (NFTs), que são individualmente únicos e considerados colecionáveis, os tokens de torcedores de um clube são idênticos entre si e classificados como um tipo de criptomoeda. Daí a questão de saber se os reguladores dos EUA podem considerá-los títulos. Como outras criptomoedas, os preços podem flutuar significativamente.

SAIBA MAIS: Fan Token é uma criptomoeda?

Por enquanto, a parceria da MLS permitirá que os fãs da MLS participem de pesquisas e recebam recompensas. 

Esses tipos de recursos geralmente estão disponíveis para os detentores de fantokens, com pesquisas geralmente sobre tópicos como a cor de uma camisa esportiva ou a seleção de um hino do clube.

Em março, a MLS  fez parceria com a Sorare, a empresa de futebol de fantasia blockchain onde os jogos usam tokens não fungíveis de jogadores (NFTs).

O que são Fan Tokens?

Fan Tokens são ativos digitais (criptomoeda ou dinheiro digital) emitido em parceria entre entidades esportivas e empresas de tecnologia.

Os fantokens permitem que os fãs participem de pesquisas e eventos exclusivos do seu clube ou entidade esportiva; os mais engajados receberão recompensas incríveis, como presença VIP em eventos, encontrar com seus ídolos, materiais autografados, NFTs, recursos de gamificação e muito mais.

LEIA MAIS: Como ganhar dinheiro com Fan Tokens?

Os Fan Tokens são limitados em número e são fungíveis, o que significa que sua propriedade pode ser negociada e seu preço é determinado pelo mercado

Os detentores de Fan Tokens tem a possibilidade de vender seus tokens em corretoras de criptomoedas ou mantê-los em sua carteira digital para obter o direito de interagir nas plataformas de engajamento de fã.

Via: ledgerinsights

Canal Telegram

Blogueiro, estudante de Ciências de Dados e seguidor da Escola Austríaca de Economia. Com passagens por Guia do Bitcoin, É Top Saber Bitcoin, Cointimes (free), Bitcoin Marília e Declarando Bitcoin.